A Decrease font size. A Reset font size. A Increase font size.

Agroecologia: plantar respeito para colher saúde

agroecologia

Uma produção agrícola que se preocupa não apenas com a preservação do meio ambiente, mas também com a qualidade dos produtos e a saúde do consumidor, essa é a agroecologia.

Assim como a agricultura orgânica, essa forma de produção dispensa o uso de agrotóxicos e adubos químicos industrializados, utilizando elementos naturais para produzir alimentos, sem prejudicar  o meio ambiente.

Quer conhecer mais sobre esse assunto? No blogpost de hoje, reunimos algumas informações importantes. Acompanhe:

O que é agroecologia?

O conceito de agroecologia surgiu em 1934 e representa a categoria de agricultura mais sustentável, que incorpora as visões sociais, culturais, éticas e ambientais.

Ela procura reparar os danos causados à sociedade e biodiversidade devido à prática da monocultura, o emprego de transgênicos e fertilizantes industriais.

Além de mais limpa, a agroecologia também é mais barata e sua capacidade de produção pode chegar a 10% a mais do que o agronegócio.

Como funciona?

A agroecologia também tem como missão trazer mais biodiversidade, estudar diferentes espécies e quebrar o padrão da homogeneização de paisagens, comum na monocultura.

Entende-se que ao cultivar apenas um tipo de cultura pode colocar em risco a biodiversidade e causar um desequilíbrio no ecossistema, atrasando o desenvolvimento da sociedade.

Essa forma de cultivo respeita os processos naturais de cada planta, dependendo menos de combustíveis fósseis.

Isso também impacta a saúde dado que os produtos oferecem uma maior variedade de nutrientes, menos exposição aos químicos nocivos e apresentam uma aparência mais chamativa.

Desafios da agroecologia

Entretanto, a agroecologia ainda enfrenta muitos desafios para se tornar líder no Brasil, apesar de já ser adotada por muitos produtores.

O ideal seria o desenvolvimento de um plano governamental para envolver os principais sistemas de distribuição, produção e comercialização para garantir melhor qualidade de vida.

Trata-se de investir na recuperação de solos degradados, consciência pública, organização de gastos e infraestrutura para deixar o caminho dos inseticidas e agrotóxicos.

Além da distribuição de recursos e uma iniciativa política para que todos os produtores possam investir em boas sementes e métodos protetores.

A Oligos no cenário da agroecologia

Há mais de 10 anos a Oligos Biotec investe em soluções tecnológicas mais sustentáveis para os agricultores. Com qualidade comprovada, nossos produtos trazem eficiência e um novo conceito ao termo controle biológico, sem prejudicar o meio ambiente. Optamos por métodos como:

Controle biológico: É o uso de predadores naturais das pragas para mantê-las com infestação abaixo do nível de dano econômico. Pode-se usar insetos predadores, parasitoides, fungos, bactérias e baculovírus. Dita como a forma mais sadia de lidar com o problema, o método seguro ao meio ambiente e as pessoas.

MIP – Manejo Integrado de Pragas: É o método composto por um conjunto de técnicas que buscam reduzir a infestação das pragas a níveis aceitáveis nas lavouras. Essa metodologia pode gerar grande economia, em função do monitoramento constante das plantações, racionalizando as aplicações de defensivos.

A Oligos Biotec!

A Oligos Biotec nasceu com o propósito de fornecer produtos para uma agricultura sustentável econômica e ambientalmente.

Para tanto, oferecer ganhos de produtividade, baixo risco ao desenvolvimento de resistência das pragas, com respeito ao agricultor, ao meio ambiente e ao consumidor, são premissas inegociáveis para nossa equipe, que há mais de 10 anos vem se especializando e se reinventando.

Quer saber mais sobre a Oligos e conhecer nossos produtos? Entre em contato com a nossa equipe!

Este artigo foi útil?
Avalie

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

5

Posts Relacionados

Dicas

Controle químico, biológico e cultural: conheça a diferença

É indispensável um eficiente controle de pragas para se obter o melhor desempenho da lavoura. Muitos fatores podem resultar em perdas de produtividade, desde falhas na dessecação – causando [...]

Dicas

Análise foliar: o que é, como e por que fazer 

Sabia que em uma única folha estão contidas informações valiosas capazes de impulsionar a rentabilidade da sua lavoura? Isso mesmo! Por meio de uma técnica chamada análise foliar é possível id [...]

Dicas

Moleque da Bananeira: o que é, quais os danos e como controlar

Sua plantação está sofrendo com o moleque da bananeira? Confira o conteúdo que preparamos para você identificar esse inseto e como controlá-lo no seu cultivo. Como identificar o moleque da banan [...]