A Decrease font size. A Reset font size. A Increase font size.

O que é agricultura de precisão e quais são suas vantagens?

A agricultura de precisão desempenha um papel importante na evolução da produção agrícola nas últimas décadas.

Um dos maiores exemplos desse avanço é a modernização dos maquinários, os quais, em razão da tecnologia embarcada, automatizam processos do campo.

Se interessou? Então continue lendo o nosso conteúdo!

Boa leitura!

O que é agricultura de precisão?

Agricultura de precisão são ferramentas tecnológicas e de gestão adotadas pelos produtores rurais, a fim de conhecer toda a área para o cultivo, de maneira completa e detalhada.

Elas são compostas por um sistema de gerenciamento agrícola, que se baseia nas variações especiais da lavoura, para assim, aumentar a rentabilidade e reduzir os impactos ambientais.

Nesse processo, pode-se usar ferramentas eletrônicas embarcadas nas máquinas agrícolas e conectadas a sistemas de posicionamento geográfico (GPS).

Desta forma, integrando o GPS ao pulverizador agrícola consegue-se evitar a sobreposição de aplicação. Em equipamentos mais modernos, também é possível realizar a aplicação somente nos locais onde há presença das plantas daninhas e assim economizar produto.

Para que serve a agricultura de precisão?

A agricultura de precisão é utilizada para atender diversas necessidades do agricultor.

Podendo também, ser aplicada em diferentes etapas do processo de produção como, por exemplo, na aplicação de fertilizantes, plantio, pulverização e colheita.

Incrível, não é mesmo?

Portanto, vale enfatizar que, o seu maior destaque está no gerenciamento agrícola, por meio de informações precisas.

A agricultura de precisão é capaz de identificar as variações do solo, levando em conta que, nem todos eles são uniformes. E de acordo com essas variações, poderá haver a otimização em cada ponto.

Como aplicar a agricultura de precisão?

Para aplicar essa técnica e conseguir os resultados desejados, é necessário seguir três etapas:

  • Coleta de dados: identificar as características de cada uma das áreas produtivas, considerando relevo, solo, vegetação (Biomassa) e produção
  • Planejamento do gerenciamento: etapa que avalia a variabilidade e os fatores de produção, a fim de propor a melhor estratégia de gerenciamento agrícola. É a criação de mapas de aplicação dos insumos, por exemplo.
  • Aplicação em Taxa Variável: utilização de equipamentos tecnológicos automatizados para controlar e distribuir os insumos nas áreas agrícolas, considerando os dados e avaliações das etapas anteriores, de forma precisa.

Quais são as tecnologias utilizadas nesse processo?

  • Tratores, adubadoras, colhedoras ou pulverizadores: guiados por geolocalização e controlados remotamente por meio de software para agricultura de precisão.
  • Drones: através deles, é possível detectar eventuais falhas e agir na correção do problema por meio da aplicação localizada de produtos fitossanitários e/ou liberação de agentes biológicos reduzindo os prejuízos causados.  
  • Sensores: são de extrema importância em diversas etapas dentro da produção, da análise do solo e da vegetação, até a verificação do ponto de colheita. A tecnologia dos sensores permite que o produtor consiga identificar com mais detalhes a saúde de sua lavoura.
  • Telemetria: utilizado para monitorar as operações realizadas pelas máquinas, coletando, armazenando e transmitindo os dados de forma remota

Quais são as vantagens da agricultura de precisão?

Menor dano ao meio ambiente

A agricultura de precisão contribui para melhorias no uso do solo e controle de pragas. Ao utilizar essas técnicas permite a otimização dos recursos agrícolas – máquinas, corretivos, fertilizantes e defensivos.

Maior produtividade

Essa ferramenta também usa dados para apontar as melhores estratégias para plantar, adubar, realizar os tratos culturais e colher, consequente gerando ganhos em produtividade e otimização dos recursos.

Redução do desperdício de insumos

Alguns equipamentos já existentes identificam áreas com ervas daninhas, possibilitando a aplicação de defensivos apenas nos territórios afetados. Isso faz com que o produtor evite gastos excessivos com produtos químicos, causando menos impacto ao meio ambiente.

Maior competitividade

Além de tudo isso, a agricultura de precisão também melhora imagem do produtor no mercado. Já que ela proporciona uma garantia de produção sustentável, é possível usar este fato para agregar na sua imagem. Ao mesmo tempo em que aumenta a lucratividade, é claro.

A agricultura de precisão no Brasil

A agricultura de precisão no Brasil, começou a ser implantada na década de 1990, destacando uma grande eficácia nas suas aplicações, em diversos setores, principalmente na produção de grãos.

E a partir dos anos 2000, a implementação de políticas públicas de financiamento no campo permitiu que pequenos e médios produtores tivessem acesso às máquinas mais modernas, contribuindo assim, para o aumento da competitividade no mercado agrícola.

É importante lembrar que não é necessário o uso de equipamentos com elevado índice de informática embarcada para fazer uma agricultura de precisão, especialmente para agricultores de pequeno e médio porte. A divisão da propriedade em talhões menores e o levantamento de informações mais precisas de cada talhão – análise de solo, presença de plantas daninhas, monitoramento de pragas e doenças, entre outras, já permitem uma agricultura mais precisa, otimizando recursos financeiros e operacionais.

Agricultura de precisão X Sustentabilidade

Como vimos acima, a agricultura de precisão é composta por um conjunto de ferramentas que permite que o produtor faça a gestão de sua propriedade, com a utilização dos insumos na hora certa, no local adequado e na quantidade correta, promovendo o aumento da produtividade, economia de recursos financeiros e sustentabilidade da lavoura.

A Oligos Biotec!

A Oligos Biotec nasceu com o propósito de fornecer produtos para uma agricultura sustentável econômica e ambientalmente.

Para tanto, oferecer ganhos de produtividade, baixo risco ao desenvolvimento de resistência das pragas, com respeito ao agricultor, ao meio ambiente e ao consumidor, são premissas inegociáveis para nossa equipe, que há mais de 10 anos vem se especializando e se reinventando.

Quer saber mais sobre a Oligos e conhecer nossos produtos? Entre em contato com a nossa equipe!

Este artigo foi útil?
Avalie

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.


Posts Relacionados

Dicas

Rotação de culturas: tudo que você precisa saber

Na busca por uma agricultura mais limpa e saudável, muitos produtores optam pelo plantio direto e adubação verde. Atualmente, a qualidade dos produtos oferecidos pela natureza tem sido grande centr [...]

Dicas

Entenda os impactos positivos da tecnologia no agronegócio

A tecnologia está em constante mudança diariamente no meio industrial para suprir necessidades, criar oportunidades, gerar lucro e proteger o meio ambiente. No agronegócio não é diferente, visto [...]

Dicas

Controle químico, biológico e cultural: conheça a diferença

É indispensável um eficiente controle de pragas para se obter o melhor desempenho da lavoura. Muitos fatores podem resultar em perdas de produtividade, desde falhas na dessecação – causando [...]