Manejo Ecológico de Pragas: controle e sustentabilidade

Na hora de planejar a proteção da sua plantação, é necessário levar em conta todos os riscos, incluindo as possíveis pragas agrícolas que podem aparecer. Vale lembrar que é comum a presença de insetos-praga, porém o controle destes seres é indispensável para que não venham a causar perda da safra e/ou baixa financeira.

Muito se fala em agrotóxicos excessivos para terminar com a vida total das pragas, porém o ecossistema da plantação também precisa delas para que haja um equilíbrio. A Oligos Biotec traz uma alternativa tecnológica e saudável, que não prejudica o consumidor e o meio ambiente.

O Manejo Ecológico de Pragas (MEP) é um sistema de controle de pragas que utiliza medidas preventivas, ações e técnicas para equilibrar o ambiente de uma plantação ou área de criação com racionalidade e compatibilidade. Diferentemente dos demais métodos, este sistema considera a região a ser protegida como um todo, dando atenção a todos os elementos que fazem parte da área.

Dessa forma, a estratégia tem como objetivo eliminar fatores favoráveis à reprodução das pragas e controlar os ninhos e colônias, ao invés de eliminá-los. Assim, é mantida a quantidade essencial de seres no local principal e em regiões próximas.

Destacamos a utilização de métodos biológicos a fim de evitar danos ao consumidor, animais e meio ambiente, além de minimizar as chances do surgimento de pragas mais resistentes.

🌱 Benefícios de utilizar o MEP

  • Visão global: O MEP oferece uma visão completa de todos os focos e problemas da área.
  • Identificação correta: Cada praga recebe um tipo de cuidado específico, sendo identificadas da maneira apropriada e tratadas individualmente.
  • Levantamentos iniciais: O sistema detecta possíveis inícios de infestações para evitar e tratar desde cedo.
  • Aplicações especiais: Locais em situações mais críticas recebem aplicações e cuidados mais meticulosos.
  • Termonebulização certeira: A termonebulização é feita apenas nos locais que realmente é necessária para evitar a contaminação.
  • Sustentabilidade: O MEP aplica técnicas de proteção sustentáveis, como o controle utilizando insetos e relações naturais. Há também uma seletividade para combater as pragas naturais.
  • Redução de gastos: Com a baixa utilização de químicos, os custos são bastante reduzidos, porém são necessárias mais horas técnicas.
  • Mais saudável: Há menor probabilidade de contaminação de produtos, pessoas, animais e meio ambiente.
  • Menor ressurgência: Pelo baixo uso de químicos, o MEP garante que não haverá resistência de pragas e menor possibilidade de ressurgência.
  • Sem atraso: As atividades podem ser executadas durante o funcionamento da instituição e com a presença de funcionários, diferentemente das dedetizações.
  • Comprometimento: A metodologia está dentro das normas de gestão ambiental, disposta a evoluir junto à empresa contratante. Há a apresentação de relatórios mensais a respeito das atividades executadas e documentos para comparações.

Bem interessante, não é mesmo? 

Para saber mais sobre o Controle de Pragas e o que a Oligos pode fazer pela sua lavoura, entre em contato conosco:

☎Telefone e WhatApp: 17 3237-0561 / 17 3033-2728

📱 Facebook: @oligosBiotec
📲Instagram: @oligosbiotec

Este artigo foi útil?
Avalie

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

5

Posts Relacionados

Dicas

Quais os desafios atuais do controle de pragas?

Ao falar em controle de pragas agrícolas, logo se pensa em agrotóxicos e produtos do segmento químico para que o problema seja resolvido em um curto espaço de tempo. O método é utilizado desde 1 [...]

Dicas

Manejo Ecológico de Pragas: controle e sustentabilidade

Na hora de planejar a proteção da sua plantação, é necessário levar em conta todos os riscos, incluindo as possíveis pragas agrícolas que podem aparecer. Vale lembrar que é comum a presença [...]

Dicas

Controle químico, biológico e cultural: conheça a diferença

É indispensável um eficiente controle de pragas para se obter o melhor desempenho da lavoura. Muitos fatores podem resultar em perdas de produtividade, desde falhas na dessecação – causando [...]